quarta-feira, 9 de outubro de 2019

O que podemos aprender com ídolos ?!

Fala rapaziada, tranquilidade?!

Não preciso fazer muito esforço pra lembrar de alguns domingos que parávamos lá em casa pra assistir as corridas do Ayrton Senna, como tenho saudade disso...
Enquanto eu e meu pai assistíamos a corrida, sentíamos o cheiro da comida que minha mãe ia fazendo na cozinha, impossível conter a nostalgia.

O que eu tenho mais vivo na memória é como todo mundo vibrava com o desempenho do nosso ídolo Ayrton Senna, juntamente com nosso grande piloto nas décadas passadas, estavam Oscar Schmidt, Zico, um pouco depois veio Guga, enfim, grandes pessoas, dentro e fora do esporte. Até hoje quando esses caras aparecem na televisão, eu paro pra assistir e como fico impressionado como são verdadeiros exemplos.

E porque isso acabou?


Rapaziada, eu to lendo o livro do Guga, pra quem ainda não leu, indico bastante essa leitura.

O Guga é uma cara incrível.
Lendo o livro, entendi que a humildade e outros grandes valores desse cara vieram de berço e logo isso se refletiu  dentro de quadra, logicamente, por ter essa grande noção de que era tão normal quantos os outros, aprendeu a treinar e superar seus limites na marra, mesmo quando tinha perdido seu pai (herói) por volta dos 8 anos de idade, continuou, treinou mais que todo mundo, foi além do que podia, foi forjado dentro e fora de quadra.

Nos dias de hoje esses ídolos não encontramos mais. Realmente não sei o que aconteceu com essa rapaziada toda, um bando de gente que acha mais legal ser pop star, ter fama, seguidor, do que ser um grande exemplo de caráter, educação e ser humano.

Mas o mais importante de tudo isso é o legado que esses caras de antigamente deixaram na gente, sem dúvida ler a biografia deles é uma injeção de ânimo na jornada pra nossa IF.

O que dá pra tirar de lição é que realmente não existe limites, com esforço, trabalho, persistência se alcança tudo na vida. Não existe sucesso sem trabalho, na verdade sucesso é algo que os grandes personagens da história não conhecem, acho que eles foram o que foram por que nunca estavam satisfeitos, sempre queriam mais!

Pra aqueles que curtem, assistam:

Documentário do Senna no Netflix, tem no youtube também;
Discurso do Oscar Schmidt no Hall da Fama do Basquete;
Mentalidade Mamba Koby Briant;
O livro do Guga.

Um abraço do Suburbano






3 comentários:

  1. " dias de hoje esses ídolos não encontramos mais" - na era das redes sociais tudo é marketing e quase nada é conteúdo

    abs!

    ResponderExcluir
  2. Verdade, mas discordo de você num ponto, nem tudo é marketing, alguns blogs ainda salvam...
    Abç

    ResponderExcluir

O que podemos aprender com ídolos ?!

Fala rapaziada, tranquilidade?! Não preciso fazer muito esforço pra lembrar de alguns domingos que parávamos lá em casa pra assistir as co...